Habilitar efeitos : compiz ou metacity ?

(Este artigo é parte integrante do Guia do Ubuntu Perfeito, o sucesso da  aplicação deste artigo depende do sucesso das etapas anteriores)

No Ubuntu Linux possuímos um programa que é tipificado como gerenciador de janelas, esse gerenciador traz elementos gráficos que podem tornar a experiencia de usar o ambiente gráfico interessante dando maior produtividade ou o contrário concentrar-se muito na beleza e tornar  a produtividade menor.

O Windows, mesmo o Seven, na minha opinião é feio e não é produtivo quando comparado a gerenciadores de janela como GNOME e KDE, mas esses ambientes tem tanta flexibilidade para configurar a aparência que você consegue deixa-los menos produtivos e feios do que o Windows !

No Ubuntu Linux temos dois principais gerenciadores de telas, o Compiz e o Metacity.

[retirado da wikipedia] O Compiz é um dos primeiros gerenciadores de janelas para o servidor de janela X que oferece aceleração OpenGL. O gerenciador permite que as janelas possuam efeitos visuais, como animações ao minimizar e uma área de trabalho em forma de cubo. Compiz segue os padrões do ICCCM e por isso pode ser usado no lugar do Metacity do GNOME ou do KWin do KDE. Nem todas os computadores são elegíveis para usar o Compiz, apenas os possuidores de placas de vídeo da ATI, nVIDIA ou Intel estão no rol das placas suportadas pelo Compiz.

O Metacity é o gerenciador de janelas padrão do GNOME, se você ainda não habilitou o Compiz, muito provavelmente o que já está usando é  o Metacity.

Qual dos dois usar ?

Na minha humilde opinião, o Compiz é melhor. Porém, ao usar aplicativos que precisam de máxima aceleração gráfica, tais aplicativos vão competir performance com o compiz. Por exemplo, ao instalar o Google Earth num ambiente com o gerenciador de janelas Compiz, ambos vão tentar usar o máximo da aceleração gráfica disponível e competindo entre sí pelo uso da GPU e se sua placa de vídeo não tiver performance suficiente, o Google Earth e/ou Compiz terá baixo rendimento. Esse problema pode ser minimizado por desativar alguns plugins considerados vilões em roubar performance. Os plugins são um show a parte, alguns podem dar maior produtividade acrescentando recursos como transformar janelas-separadas do Gimp numa janela única, ou ao fazer apresentações em datashows usar mecanismos de aproximação, marcação com lapís ou fogo e com ainda mais efeitos tornar a apresentação menos chata, enfim estes plugins podem tornar seu ambiente produtivo, mas também improdutivo com excesso de perfumarias.

O Metacity por outro lado, é simples e direto, a única opção que pode ser ativada é possuir sombras na bordas das janelas. Apesar de também usar a GPU, não causa problemas com aplicações que necessitem de máxima aceleração gráfica. Quem já conhece o Compiz e não é encantado por seus recursos vai preferir o Metacity.

Se você escolheu usar o Metacity, dê um ALT+F2 e execute :

gconftool-2 --type bool --set "/apps/metacity/general/compositing_manager" "true"

O que esse comando faz ? Veja:

Uau !!! Temos bordas sombreadas.

Pois é, se você não se importa com o Compiz ou não tem uma placa de vídeo suficiente para o Compiz, ao menos você pode ter bordas sombreadas :)

Vale lembrar, que mesmo as bordas sombreadas usam recursos de aceleração, assim se você não tem aceleração gráfica, essa renderização será por software o que roubará performance do seu sistema.

Se você escolheu usar o Compiz, vá no menu Sistema->Preferencias->Aparência, depois selecione a guia [Efeitos Visuais] :

Por padrão, para habilitar o compiz você tem apenas duas opções “Normal” que já possui alguns plugins básicos do compiz habilitados ou “Extra” que habilita mais plugins que exigirão mais recursos da GPU.

Um banho de água fria é que o Compiz que acompanha o Ubuntu não traz nenhuma interface para dizer que plugins eu quero habilitar. Isso pode ser corrigido instalando alguns programas, vá em Aplicativos->Acessórios->Terminal e execute o seguinte comando :

sudo apt-get install -y compizconfig-settings-manager  gnome-art startupmanager emerald

O comando acima vai acrescentar algumas opções extras, por exemplo, vá agora no menu do GNOME->Sistema->Preferencias->Gerenciador de configurações do CompizConfig :

É opção que não acaba mais.

Se você quer ser especialista no Compiz aprenda a gerenciar perfis, neste aplicativo é possível habilitar plugins e depois salvar num perfil de nome a escolher. Eu uso dessa forma, por exemplo, desabilito todos os plugins e salvo como “Sem compiz”, depois habilito os plugins que só uso para apresentações em datashows e salvo como “Datashow” e vou criando perfis, cada qual para um proposito:

Se você não fizer assim, vai achar o compiz cansativo e pouco produtivo.

Agora que você instalou alguns pacotes extras para o compiz, na janela de efeitos visuais aparecerão novas opções, vá no menu Sistema->Preferencias->Aparência, depois selecione a guia [Efeitos Visuais] :

Esta opção traz vários perfis de fábrica, veja :

É apenas uma maneira mais bonitinha de personalizar, porém simplista e menos eficiente, pois não posso criar meus próprios perfis apenas utilizar os que vem de fábrica.

Espero que tenha gostado, agora você já sabe o que é o compiz e o metacity, e o mais importante : como utiliza-los.

  1. #1 por André Bonni em 26 \26\UTC outubro \26\UTC 2010 - 19:51

    caro amigo, antes de mais nada, meus sinceros parabéns pela sua vontade em sempre nos ajudar, mantendo o UBUNTU PERFEITO, sempre atualizando, enfim, obrigado por tudo. graças a você, hoje muitos de nós conhecemos um pouco mais do mundo pinguim e, alem disso, aprendemosnão apenas a instalar o sistema, mas também a entende-lo melhor… meus sinceros parabéns e muito obrigado…
    Agora a dúvida, nesta ultima atualização, não atualizei o sistema, e sim instalei-o do 0. e infelizmente, agora no compiz, nao consigo mais deixar as janelas espaçadas quando giro o cubo (sabe quando você gira o cubo, ele se afasta, e as janelas que estavam abertas, antes ficavam distantes do cubo e uma das outras (efeito 3D)). agora ficam todas uma em cima das outras e em cima do cubo…
    Já mexi em tudo, mas nao achei forma de fazer isso mais…
    Uma ultima dúvida. No Windows, quando clico numa pagina da net com o scrool do rato e seguro, a pagina rola conforme mexo o rato. no linux nunca consegui fazer isso. poderia dar uma força?
    Desde já muito obrigado, e um forte abraço…

  2. #2 por José Antonio Meira da Rocha em 26 \26\UTC outubro \26\UTC 2010 - 22:55

    Infelizmente, o Compiz é incompatível com o VNC…

  3. #3 por Dtomadon em 2 \02\UTC dezembro \02\UTC 2010 - 19:22

    Olá acompanho seu trabalho há algum tempo, desde o fórum ubuntu ,seria legal e se possível dicas para o Kubuntu, inclusive a drivers para placa SIS , que foi disponibilizada em muitos notebooks brasileiros, se puder avaliar o material aqui

    http://diversosassuntosbrasil.blogspot.com/2010/09/driver-mandriva-2011-0-para-uso-em-sis.html

    Abraços e Parabéns pelo seu trabalho.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: