Arquivo de março \31\UTC 2009

Resolvendo problema de caps/num lock nos programas 'RDP Client'

Um problema que já vem martelando desde o Ubuntu 8.10 é o rdesktop, este programa é um backend usado por outros programas como tsclient e grdesktop e é muito importante para acessar servidores RDP como o Windows Terminal Services. Infelizmente, ao usarmos tais programas no Ubuntu somos surpreendidos pela falta de esmero com um bug que é irritamente para algumas pessoas : As teclas num lock e caps lock não funcionam.

O bug está documentado aqui :

https://bugs.launchpad.net/ubuntu/+source/rdesktop/+bug/254968

Ele está datado desde 05/08/2008 e esperava-se que fosse corrigido rapidamente, mas infelizmente ele persiste até mesmo na nova versão do Ubuntu Jaunty 9.04.Se voce é afetado pelo problema, use o link acima para postar comentários (em inglês), com alguma pressão é possível que a resolução para o problema seja mais rápida.

Resolvendo o problema :

Como não há solução oficial para o problema, vamos para uma solução extra oficial :

Remova o rdesktop de sua instalação, voce poderá usar o Synaptic ou então a linha de comando executando :

sudo apt-get remove rdesktop

O comando acima também removerá dependencias como tsclient e grdesktop, aceite-as, pois iremos instala-las depois.

Depois do rdesktop removido, visite a página :

http://packages.debian.org/unstable/x11/rdesktop

E descarregue o pacote “rdesktop” mais apropriado para sua distribuição (i386 ou amd64).

Dê um duplo clique no pacote .deb  para instala-lo.

Agora use o synaptic para instalar grdesktop ou tsclient, perceberá que o problema com o caps lock e num lock estarão resolvidos.

A pergunta que não quer calar é : Porque o time do ubuntu não usa o pacote rdekstop debian/sid e resolve este problema que vem 08/2008 ?

Outro problema :

Ok. Este bug só foi notado no Ubuntu Jaunty 9.04, portanto é fresquinho.

Se você estiver irritado porque dentro duma sessão RDP não consegue dar um CTRL+X(Recortar) ou CTRL+C(Copiar) porque a clipboard do Windows é limpa a todo instante, o problema é com o protocolo RDPv5 usado no rdesktop (grdesktop e tsclient incluídos). Quando se esta usando o protocolo RDPv5 ao invés do comum e nomeado apenas por “RDP” a área de clipboard da sessão RDP é limpa a cada segundo pelo parcellite, isso mesmo, o parcellite é aquele gerenciador de clipboard do GNOME. É um bug do programa rdesktop, mas de alguma forma o parcellite tá envolvido nele.

Qual a solução ?

Dependente, você precisa mesmo usar o protocolo RDPv5 ? Se você usar apenas o protocolo “RDP” o problema já estará resolvido usando ou não o programa parcellite. Se você faz questão em usar o protocolo RDPv5, então necessariamente terá de fechar o programa parcellite pelo tempo que durar sua sessão RDP.

Deve haver alguma opção de linha de comando que desabilite a área de clipboard entre o Host Linux e a sessão RDP, talvez isso resolvesse o problema, mas como até agora não encontrei nada então a solução é 1) usar o protocolo “RDP” ou 2) Fechar temporariamente o parcellite.

Nota importante :

O rdesktop está sendo descarregado do repositório ‘sid’ (Still In Development), este respositório está em constante desenvolvimento. Atualmente ele resolve o problema com o rdesktop no Ubuntu 8.10 e 9.04, mas não podemos dizer que resolverá sempre, pois flutuações no sid podem torna-lo incompátivel com o Ubuntu no futuro. A solução para o problema apontada por este post é apenas um “workaround” (palavra bonita para “gambiarra”) temporário.

9 Comentários

Ubuntu Perfeito para o jaunty 9.04

Esta é uma atualização do Ubuntu perfeito para o Ubuntu Jaunty 9.04.

Funciona exatamente como o anterior, a diferença está nos repositórios que foram removidos, pacotes que não existem mais, pacotes novos, etc…

É recomendável sua instalação em instalações limpas do Ubuntu, isto é, instalações que tenham usado apenas repositórios nativos do Ubuntu e não tenha sido acrescentado repositórios de terceiros. É apenas para Ubuntu 9.04, outras versões não foram testadas, nem mesmo o Kubuntu.

Três itens do Ubuntu Perfeito merecem alguma consideração :

  • A versão oficial do WINE é muito ainda, e o repositório oficial para o jaunty ainda não existe.
  • O script SmartConect 3G tá com problemas na URL, ao baixa-lo vem uma página HTML no lugar do .deb.
  • O VirtualBox é instalado a partir do repositório antigo para o Ubuntu Intrepid, apesar disso funciona maravilhosamente bem.
  • Não consigo de jeito nenhum fazer o Cogroo funcionar com o OpenOffice 3.0.1

Ainda há algumas alterações a serem feitas antes do lançamento oficial, mas já está 99% pronto. O download direto é :

http://sourceforge.net/project/showfiles.php?group_id=246324&package_id=316566

Ate+

7 Comentários

Script Ubuntu Perfeito atualizado #3

O script Ubuntu Perfeito foi atualizado, o link para atualização é :

https://hamacker.wordpress.com/script-ubuntu-perfeito/

Eu nunca tive problemas na descarga de temas, mas fiz o teste em alguns micros de outros colegas apenas para estudar as reclamações com respeito a aplicação de temas, realmente uma constatação : 2 temas hospedados no servidores da mediafire.com terminavam pela metade, o wget constatava que o download completou, mas o tar jxvf acusva erro na descompactação, resultado ? tema não instalado, e mesmo que tentasse uma nova reinstalação o wget pularia o download que já completo.

Assim, a tarefa de instalar temas nunca se completavam.

Não sei se o problema era de fato os servidores da mediafire.com ou as conexoes speedy-telefonica, mas o fato é que removi esses temas.

Espero que o problema agora já tenha sido resolvido.

4 Comentários

A crise perfeita…

Não estou entendendo essa crise internacional.

Se é uma crise de crédito e estagnação nas vendas, porque as coisas não custam menos para vender mais ?

Quando vou as lojas, as coisas não diminuíram seu preço, ao contrário aumentaram.

Até a famosa fastfood McDonalds, pelo menos aqui em São Paulo diminuiu aquele pote de nuggets, antes com seis unidades e agora com apenas 4 e sem direito ao molho-cortesia, porém mantendo o mesmo preço. Alguem aí se lembrou dos papéis-higiênicos que mudaram de 40m para 30m, mas mantiveram o mesmo preço  (algumas marcas até aumentaram o cone do rolo para causar a impressão de maior volume) ? Uma ótima oportunidade para  melhorar meus hábitos alimentares.

Vários canais de TV, especialmente o SBT passou a ser uma Las Vegas da TV brasileira, anuncia todo tipo de jogatina lícita : quiz-celular, sorteio de menor lance, telefone, baú,…enfim, os anunciantes fugiram ou dá mais lucro vender jogatina ? E aí, quem quer dinheiro ?

Alias, esse lance de jogos por celular como quiz, menor lance, assinatura disto ou daquilo outro,… deve ser a maior furada. Alguns colegas assinaram um “quiz” na promessa de ganhar um pendrive (sem sorteio) e depois perceberam que ao responder os intermináveis quiz de perguntas e respostas estavam na verdade jogando dinheiro fora por cada SMS enviado, afinal, responde-los não é de graça. Eu fui vítima desse golpe também, depois da quarta mensagem você percebe que ainda vai demorar muito e que o custo das ligações não valem o pendrive, assim você perde dinheiro por causa dos SMSs enviados e eles ainda economizam no pendrive que você desistiu. A sensação de idiota não saiu da minha cabeça por algumas semanas !

Sempre ouvi falar que a crise é uma oportunidade única para as empresas, onde as gigantes dão espaço para as pequenas emergirem – mas não estou vendo isso. Vejo o contrário, uma oportunidade das grandes fazerem uma faxina com os recursos humanos e elas e o governo inviabilizarem o negócio das pequenas.

Sempre preferi em não comprar em grandes lojas porque minha preferencia é pagar ‘a vista e com desconto, nem que tenha que esperar para juntar todo o dinheiro, mas infelizmente as grandes lojas preferem vender “avista, porem parcelado”. Achei que com essa crise, eu poderia ir até um Carrefour da vida e pleitear um desconto contra um pagamento avista, pois é, ainda não foi dessa vez, preferem que você compre “avista, mas parcelado” – sabemos que isso não existe. Errata : quando dão o desconto, o valor é irrisório e não compensa.

No Brasil, os bancos nunca faturaram tanto, é um recorde atrás do outro. Apesar disso, endureceram e tornaram mais caro o crédito.

Enfim, essa é a crise perfeita porque apesar dela, o modo operacional das empresas não mudou – a ganancia nunca muda -, e a oportunidade de mamar nas tetas, digo, receber algum incentivo do governo nunca foi tão atrativo.

4 Comentários

Script Ubuntu Perfeito, agora com novos Temas #2

Em função da publicação do post “Script Ubuntu Perfeito, agora com novos Temas”, recebí alguns e-mails de pessoas dizendo que os novos temas não eram instalados, pois bem, vejamos algumas observações gerais que podem esclarecer o problema :

  • O script ubuntu Perfeito foi idealizado para deixar o Ubuntu pronto e o ponto de partida é uma instalação limpa. Isto ocorre porque os meus testes são feitos a partir de instalações limpas e também porque pacotes/repositórios que você já possui  podem interferir nos repositórios que o Ubuntu Perfeito faz uso, mesmo eles sendo transitórios (os repositórios podem ser removidos no final da aplicação).
  • As opções que são aplicadas a partir do menu do Ubuntu Perfeito “somem” quando são 100% executados. Assim, o numero de opções no menu vão reduzindo a medida que você instala-os.
  • Muita coisa neste script são descarregados da internet, isso inclui os temas. Pode acontecer erro 404 (offline ou inexistente) ao tentar descarregar certos arquivos, eu conto com a colaboração dos colegas se isto acontecer e eu rapidamente corrigi-los.
  • Depois do Ubuntu Perfeito instalado, dois itens de menu são criados : “Ubuntu Perfeito” e “Menu de serviços do Ubuntu Perfeito”. O segundo, isto é, “Menu de serviços do Ubuntu Perfeito” não funciona sem o primeiro ter instalado os itens mais comuns. Por exemplo, alguns após instalarem o Ubuntu Perfeito, executam o menu de serviços para aplicar os novos temas, mas não repararam que para ele funcionar é preciso instalar estes temas antes. Por essa razão, execute o”Ubuntu Perfeito” e note se os temas foram instalados 100% antes de tentar aplica-los com o menu de serviços.
  • Os temas são descarregados da Internet e depois des”tar”zeados nos diretórios corretos. Alguns temas possuem mais de 34M num único arquivo, assim se a internet for lenta ou o arquivo for corrompido durante o processo, o tema não será instalado e a opção de “Temas com aparencias variadas” nunca sumirá do menu do Ubuntu Perfeito  (lembre-se : Só é removido quando a instalação foi perfeita).
  • Os arquivos descarregados da internet ficam em /var/cache/ubuntuperfeito e são reaproveitados quando determinadas opções são executadas e requeiram descarregar esses mesmos arquivos (inclusive continuando o download a partir do ponto que parou). Se algum desses arquivos tiverem sido corrompidos por alguma razão, o tópico que envolva o uso deles nunca completará a instalação de forma satisfatória e portanto nunca sairá do menu. Assim, se voce tiver problemas -por exemplo com a instalação dos temas-, é uma boa idéia limpar esse diretório e torcer para que ao descarrega-los novamente não haja nenhum novo arquivo corrompido.
  • Não é possível aplicar os temas do Ubuntu Perfeito se os mesmos não foram descarregados corretamente da internet, assim, antes de tentar aplica-los por meio do menu de serviços, verifique se no menu do Ubuntu Perfeito ainda consta o item “Temas com aparências variadas”. :
Instalação dos temas do ubuntu perfeito

Instalação dos temas do ubuntu perfeito

Se o item “Temas com aparências variadas” existir no seu menu, então esqueça de usar o menu de serviços para tentar aplicar os novos temas. Só quando este item for 100% instalado, – e portanto não constar no menu – o menu de serviços conseguirá aplicar algum tema.

  • A cada versão do Ubuntu Perfeito, alguns itens são modificados e por essa razão voltam para o menu para serem executados novamente, assim se voce tinha instalado a versão 8.10.13.2 e depois atualizou para versão 8.15.x, provavelmente alguns itens reapareceram, dentre eles é possivel que seja “Temas com aparencias variadas”.

Assim, espero que algumas dúvidas com respeito ao uso de temas tenham sido esclarecidas.

6 Comentários